Postado em 02 de Maio de 2016 às 09h04

Ação expande negócios de aves e suínos para a China

CleanTec do Brasil Entre os dias 5 e 7 de maior, em Sanghai na China, a Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA, São Paulo/SP), em parceria com a Agência Brasileira de Promoção de...

Entre os dias 5 e 7 de maior, em Sanghai na China, a Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA, São Paulo/SP), em parceria com a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil, Brasília/DF), promoverá uma grande ação junto aos importadores do mercado chinês. Em um espaço de mais de 130 metros quadrados, a ABPA levará para a Sial China, a maior feira de inovação em alimentos da Ásia, 13 empresas exportadoras de proteína animal (aves e suínos).

Além de encontros de negócios entre empresas, clientes já consolidados e potenciais importadores de carne de frango e de suínos do Brasil, também será realizada uma ação institucional de divulgação dos setores do País com a distribuição de materiais promocionais em mandarim, informações sobre a qualidade e o status sanitário da avicultura e da suinocultura do Brasil e o contato das empresas.

Liderando a ação pela ABPA, o vice-presidente de Aves, Ricardo Santin, destaca a importância da China como protagonista dentre os importadores de aves e de suínos do Brasil. A China incrementou suas compras após a habilitação de novas plantas exportadoras em 2015. Leia mais...
 

Veja também

Após EUA, Porto Rico também abre mercado para carne suína brasileira 03/05/16 Seguindo os passos dos EUA, Porto Rico abriu seu mercado para a carne suína produzida pelo Brasil. É o que indica a Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA, São Paulo/SP), após o país ter aceitado o modelo de Certificado Sanitário Internacional (CSI) proposto pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA,......
África do Sul poderá importar carne suína in natura brasileira.03/02/16 Integrante da União Aduaneira da África Austral (SACU), com a qual o Brasil firmou acordo de preferências tarifárias fixas em 2008, a África do Sul pode começar a importar carne suína in natura brasileira. O......
Anormalidades causam perda de 12% no volume da produção de ovos.24/01/17 Problemas no manejo, como aves criadas em ambientes pequenos e o estresse calórico influenciam na qualidade do ovo. Investir em soluções que visam ao bem-estar dos animais, como a climatização do ambiente e espaços......

Voltar para Notícias