Postado em 20 de Julho de 2017 às

Brasil autoriza importação de carnes e derivados da União Europeia.

CleanTec do Brasil De acordo com o diretor do Departamento Econômico do Itamaraty, Pedro Miguel da Costa e Silva, que trabalha em Genebra (Suíça), o Brasil concedeu autorizações sanitárias para a...

De acordo com o diretor do Departamento Econômico do Itamaraty, Pedro Miguel da Costa e Silva, que trabalha em Genebra (Suíça), o Brasil concedeu autorizações sanitárias para a União Europeia (UE) que vão facilitar a entrada de uma série de produtos de origem animal do bloco no mercado brasileiro.
A medida vale para países como Bruxelas, que vinha fazendo esta exigência em meio às discussões sobre problemas com a carne brasileira. "Atendemos a uma série de pedidos da UE na área fitossanitária. Para eles, o impacto será importante"', afirma Costa e Silva.
Segundo o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA, Brasília/DF), os produtos beneficiados são carne e produtos cárneos de aves, bovinos e suínos, envoltórios naturais de bovinos e suínos, gelatina e colágeno, leite e produtos lácteos e mel e produtos apícolas e ovos. Leia mais...

Veja também

Missões canadenses irão fazer auditoria em plantas frigoríficas brasileiras.27/07/16 Durante a 8ª Reunião do Comitê Consultivo Agrícola (CCA) Brasil-Canadá, realizada em Ottawa, naquele país, representantes das duas nações acertaram que missões canadenses deverão fazer uma auditoria em plantas frigoríficas de carne bovina e suína no Brasil, assim como nos controles oficiais para exportação de carne de......
Medidas podem reduzir impacto do clima frio na produção de peixes.10/05/17 A temperatura do ambiente é um dos fatores decisivos no cultivo de peixes. Por isso, evitar alimentação em excesso, manter densidade adequada no viveiro e monitorar a qualidade da água são ações que podem......

Voltar para Notícias