Postado em 31 de Julho de 2017 às

Carne bovina enfrenta sétima semana consecutiva de recuo nos preços.

CleanTec do Brasil Apesar dos esforços da cadeia, até agora, o ano não apresentou sinais de melhora quanto à demanda por carne bovina. Em média, no atacado, os cortes da carne sem osso estão sendo...

Apesar dos esforços da cadeia, até agora, o ano não apresentou sinais de melhora quanto à demanda por carne bovina. Em média, no atacado, os cortes da carne sem osso estão sendo vendidos em valores 0,5% menores que em igual período do ano passado.
Ao todo são sete semanas seguidas de recuo nos preços. Na média de todos os cortes pesquisados pela Scot Consultoria (Bebedouro/SP), a queda semanal foi de 1,6%.
Nos últimos 30 dias o recuo chega a 3,4%. No período, os cortes do traseiro apresentaram queda 3,3% e, os cortes do dianteiro, desvalorização de 3,6%. Leia mais...

Veja também

Estratégias de resultados para a pecuária lucrativa é tema de encontro.01/02/17 Como 2016 foi um ano de desafios, muitos pecuaristas não conseguiram grandes resultados, sobretudo pelo alto custo do milho, principal ingrediente da dieta bovina, que representa mais de 60% do custo da alimentação. No mercado de reposição, a diferença entre a arroba do boi magro sobre o boi gordo também deixou alguns confinadores no prejuízo. Leia mais......
Simpósio internacional aborda saúde na avicultura brasileira.24/10/16 Realizado nos dias 26 e 27 de outubro, no Jockey Club de São Paulo, o evento realizado pela Intestinal Health Scientific Interest Group (IHSIG) formado na Bélgica, em 2010, reúne estudiosos de vários países europeus, que......

Voltar para Notícias