Postado em 03 de Maio de 2017 às 15h37

Chile supera marca de US$ 1 bilhão nas vendas de alimentos para o Brasil.

CleanTec do Brasil Representado por uma delegação de 15 empresas do setor alimentício na APAS Show - que acontece entre os dias 2 e 5 de maio, no Expo Center Norte, em São Paulo - o Chile ainda contará com a...

Representado por uma delegação de 15 empresas do setor alimentício na APAS Show - que acontece entre os dias 2 e 5 de maio, no Expo Center Norte, em São Paulo - o Chile ainda contará com a ilustre presença do embaixador do país no Brasil, Jaime Gazmuri Mujica, que fará a abertura oficial do estande, e da subdiretora nacional do ProChile, Marcela Aravena.
A participação na feira marca a abertura da agenda de atividades do Chile em solo brasileiro, que segue investindo em uma forte estratégia de promoção dos seus produtos nos mais promissores mercados mundiais, entre os quais o Brasil, que se destaca como o principal destino das exportações de alimentos chilenos em toda a América Latina e o quarto maior no ranking mundial. Em 2016, as exportações do Chile para o País alcançaram o valor de US$ 2.964 bilhões. Deste montante, US$ 1 bilhão correspondem ao envio de alimentos. Leia mais...

Veja também

Frimesa se prepara para construir o maior frigorífico do Brasil.20/01/17 Com a proposta de se tornar referência na produção de carne suína no Brasil, a Cooperativa Frimesa prevê investimentos de R$ 2,5 bilhões em toda a cadeia produtiva até 2030. Este investimento envolve produtores, cooperativas integradas e a própria Central Frimesa. O projeto de crescimento reflete o bom ano de 2016 da empresa, cujo faturamento deve fechar R$......
Mercado brasileiro de aves e suínos é exaltado na China.25/05/17 Saldo positivo. Foi assim que foi definido o término das ações comandadas pela Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA, São Paulo/SP), em parceria com a Agência Brasileira de Promoção......
Vendas em frigoríficos são prejudicadas com queda no consumo de carne.11/08/16 Ainda que tenham atingido o menor patamar em agosto e devam se recuperar ao longo dos próximos meses, não há grandes chances de os preços da arroba "explodirem". É o que afirma o coordenador de pecuária da......

Voltar para Notícias