Postado em 13 de Julho de 2017 às

Cinco passos para melhorar o rendimento da fazenda e aumentar produtividade.

CleanTec do Brasil O grande foco dos ensinamentos proferidos na etapa da Intercorte em Ji-Paraná (RO) é a intensificação e o aumento da produtividade, ou seja, produção de mais @ por hectare. O assunto...

O grande foco dos ensinamentos proferidos na etapa da Intercorte em Ji-Paraná (RO) é a intensificação e o aumento da produtividade, ou seja, produção de mais @ por hectare. O assunto pode ser muito amplo – e é – mas um dos pecuaristas que apresentaram seus cases de sucesso no evento deu a receita que funcionou em sua propriedade.

Alexandre Foroni toca a fazenda do Grupo Nelore 3B junto aos irmãos e pai. A área de pasto rotacionado é de 1.450 hectares, com capacidade estática para 2.500 cabeças no confinamento. Para melhorar os resultados nesta propriedade, o zootecnista optou por investir em quatro pilares: sanidade, genética, pasto e suplemento. Além destes, existe um outro ponto que, segundo ele, une todos os anteriores: a sua equipe. “Temos que deixar de menosprezar as pessoas, o manejo. E não é só o manejo operacional do campo, é também o manejo da gestão. Tudo o que fazemos de planejamento é relacionado com pessoas”, explica Foroni. Leia mais...

Veja também

Produtividade é fator chave para aumento da competitividade na pecuária.23/08/17 As margens do mercado pecuário são fator determinante para muitas fazendas. Diante disso, como o pequeno produtor, que não tem estrutura suficiente para conseguir produzir em grandes volumes, pode ser competitivo no mercado? Com o aumento dos custos de produção, elevar a produtividade e diluir custos só são possíveis com a aplicação de......
Festival enaltece pratos à base de carne de aves, de suínos e de ovos.28/08/17 Em paralelo ao Salão Internacional de Avicultura e Suinocultura (Siavs), iniciativa da Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA) realizado entre 29 e 31 de agosto, no Anhembi Parque, em São Paulo (SP),......
Brasil é considerado país livre da pleuropneumonia contagiosa bovina.29/05/17 O Brasil foi reconhecido pela Organização Mundial de Saúde Animal (OIE, Paris/França), por unanimidade, como país livre da pleuropneumonia contagiosa bovina (CBPP em inglês). A certificação foi entregue......

Voltar para Notícias