Postado em 06 de Fevereiro de 2017 às 15h04

Exportação da carne suína aumenta 39% em relação a janeiro de 2016.

CleanTec do Brasil A visão da Associação Brasileira dos Criadores de Suínos (ABCS, Brasília/DF) é otimista para 2017. Após meses amargando prejuízos devido à expressiva alta no...

A visão da Associação Brasileira dos Criadores de Suínos (ABCS, Brasília/DF) é otimista para 2017. Após meses amargando prejuízos devido à expressiva alta no preço do milho e a redução no consumo de proteínas, causada pelo aumento do desemprego e pela queda na renda os brasileiros, agora o cenário parece mudar.
Assim como em 2016, as expectativas para o mercado externo são positivas e o comércio mantem-se firme. Apenas em janeiro, o País exportou 54,5 mil toneladas, um aumento de 39% se comparado ao mesmo período do ano anterior. Leia mais...

Veja também

Sucessão familiar será um dos nortes do Congresso das Mulheres em outubro.16/06/17 Nos dias 17 e 18 de outubro o 2? Congresso Nacional das Mulheres do Agronegócio leva ao Transamerica Expo Center, em São Paulo (SP), mais de 35 palestrantes de todo o Brasil para a realização de 15 workshops práticos, plenárias, debates e cases de sucesso. A maioria dos temas que serão apresentados no encontro atende às necessidades do mercado e foram......
Apesar de lentidão, mercado de suínos mantém expectativa de reação.10/10/16 Os preços da carne suína vêm registrando pequenas altas neste início de outubro, mas agentes consultados pelo Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea, Piracicaba/SP) têm expectativa de que os valores......
A realidade do abate animal no dia a dia da produção.05/07/16 O portal feed&food mostrou na reportagem anterior da série Abate Humanitário as informações sobre como é realizado cada procedimento, em cada animal. Mas como essa questão é vista na prática, no dia......

Voltar para Notícias