Postado em 31 de Agosto de 2016 às

Gado vivo e carne bovina paranaense retomam passe livre ao Líbano.

CleanTec do Brasil O Paraná poderá retomar os embarques de gado vivo e de carne bovina para o Líbano. A liberação, decidida pela direção de Recursos Animais do Ministério da Agricultura...

O Paraná poderá retomar os embarques de gado vivo e de carne bovina para o Líbano. A liberação, decidida pela direção de Recursos Animais do Ministério da Agricultura daquele país, foi baseada em dados da Organização Mundial de Saúde Animal (OIE), que descartaram a ocorrência de novos casos de Encefalopatia Espongiforme Bovina (EEB), conhecida como doença da “vaca louca”, no Estado.
O embargo a esses produtos vinha sendo aplicado desde 2012, com base em caso atípico da EEB registrado no Paraná. Agora, as importações libanesas serão reiniciadas nas próximas semanas, assim que a medida for oficializada, uma vez que a liberação foi assinada pelo titular da direção de Recursos Animais do Líbano, Akram Chehayeb, no dia 22 de agosto. Leia mais..

Veja também

Índice de Confiança do agronegócio cresce 4,2 pontos no trimestre11/11/16 Uma pontuação igual a 100 pontos corresponde à neutralidade, resultados acima disso indicam confiança. Por isso, de acordo com o valor apontado pelo Índice de Confiança do Agronegócio (ICAgro) do 3º trimestre, que foi de 106,3 pontos, com alta de 4,2 pontos em relação ao trimestre anterior, demonstra maior confiança no setor. O......
Bem-estar é uma das tendências mais importantes para a suinocultura.06/09/17 O médico-veterinário e diretor da Unidade de Suinocultura da MSD, Rudy Claure, acredita que o bem-estar animal e uso racional de antibióticos na produção são duas das tendências mais fortes da suinocultura......

Voltar para Notícias