Postado em 15 de Janeiro de 2016 às 09h21

Saiba como evitar a parasitária bovina na produção.

CleanTec do Brasil Causador de diversas doenças em bovinos, o carrapato exige controle estratégico para que enfermidades não atinjam o rebanho. Para explicar como evitar que o parasita atrapalhe o rendimento do produtor, o...

Causador de diversas doenças em bovinos, o carrapato exige controle estratégico para que enfermidades não atinjam o rebanho. Para explicar como evitar que o parasita atrapalhe o rendimento do produtor, o diretor Técnico de Saúde Animal da Ourofino Saúde Animal (Cravinhos/SP), Marcus Rezende, vai participar do programa exibido ao vivo nesta sexta-feira (15/01), a partir das 11h30 (horário de Brasília), pelo Canal do Boi ou acessando www.ourofinosaudeanimal.com/aovivo.

Segundo Rezende a Tristeza Parasitária Bovina (TPB), também conhecida como Tristezinha, Amarelão, Mal da Boca Branca e Piroplasmose, é uma enfermidade parasitária infecciosa que tem como principais agentes dois microorganismos: uma riquetsia do gênero Anaplasma (Anaplasmose) e um protozoário do gênero Babesia (Babesiose). O principal agente transmissor é o carrapato bovino Rhipicephalus (boophilus) microplus. Saiba mais...

Veja também

Interpol alerta 190 países sobre fraudes contra exportadores brasileiros.21/02/17 O escritório brasileiro da Interpol emitiu “Difusão Roxa” sobre a investigação das fraudes contra agroindústrias exportadoras e importadores de carne de aves e de suínos do Brasil. A “Difusão” é um mecanismo de cooperação entre as polícias da Interpol. No caso do alerta publicado, a “Difusão Roxa”......
Um novo conceito para criação de frangos de corte.02/02/16 Frangos de Corte – Este vídeo feito pela Vencomatic uma empresa Holandesa já presente no Brasil, mostra um novo conceito para criação de frangos de corte, com eclosão dentro do próprio aviário. Muito......

Voltar para Notícias